Arquivo mensal: agosto 2015

Use pattern matching to recognize patterns across multiple rows in a table

Bem, esse é o último assunto a ser abordado pela prova, a partir daqui estarei apenas revisando alguns assuntos e dando algumas dicas que encontrar, e em algumas semanas espero estar fazendo a prova Oracle SQL Expert e avisarei dos

Marcado com: , , , , , , ,
Publicado em Certificação Oracle, SQL, SQL Expert

cross_outer_apply_clause

Essa cláusula apensar de parecer nova, que pode fazer algo novo, não é bem assim. O CROSS APPLY ou o OUTER APPLY são apenas variações de algo existente na sintaxe ANSI, do CROSS JOIN e do LEFT OUTER JOIN. A

Marcado com: , , , , ,
Publicado em Sem categoria

Use the SQL row limiting clause

Antes para limitar o resultados da nossa pesquisa, poderíamos utilizar o ROWNUM < n, caso na query existisse ORDER BY teríamos que fazer um select dentro de outro, SELECT …(SELECT … ORDER BY col) ROWNUM < n. Pois o rownum

Marcado com: , , , , , , , ,
Publicado em Sem categoria

Use explicit default values in INSERT and UPDATE statements

Vimos anteriormente algumas novidades na versão 12c do Oracle no que diz respeito a alguns melhoramentos do DEFAULT tanto na criação de uma tabela como em alterá-la. Agora podemos usar sequences. Temos uma nova opção ON NULL que define o

Marcado com: , ,
Publicado em Sem categoria

Create and Maintain Indexes Including Invisible Indexes and Multiple Indexes on the Same Columns

Podemos criar index invisíveis que serão ignoradas pelo optimizer a menos que o parâmetro OPTIMIZER_USE_INVISIBLE_INDEXES esteja como TRUE. Para criar um index invisível é só adicionar a palavra reservada INVISIBLE no final do comando, da seguinte maneira: CREATE INDEX nome_index

Marcado com: , , , , , , , , ,
Publicado em Certificação Oracle, SQL, SQL Expert

Use 12c Enhancements to the DEFAULT Clause, Invisible Columns, Virtual Columns and Identity Columns in Table Creation/Alteration

Neste post iremos ver algumas novidades do 12c com respeito a tabelas, tanto no momento da sua criação como na alteração. INVISIBLE COLUMNS O valor DEFAULT é VISIBLE. Se definirmos uma coluna como INVISIBLE ela não será listada quando executarmos

Marcado com: , , , , , , , ,
Publicado em Certificação Oracle, SQL, SQL Expert

Recursively Truncate Child Tables

Já vimos anteriormente aqui no blog como apagar todo o conteúdo de uma tabela de forma quase instantânea através do TRUNCATE. Mas se existir constraints referenciais, ou seja, constraints FOREIGN KEY que referenciam esta tabela e que já possua linhas

Marcado com: , ,
Publicado em Sem categoria
Esse Blog é reconhecido pela
Certificações
Sou articulista
Sou articulista

Clique para seguir este blog e receber notificações via email de novos posts.

Tércio Costa

Tércio Costa

Formado em Ciências da Computação pela UFPB com experiência em Servidores Windows Server e Linux e banco de dados Oracle desde 2008 juntamente com os seus serviços. Desenvolvimento de Sistemas em Java SE com banco de dados Oracle e MySQL. Certificado Oracle Certified SQL Expert, mantendo o blog https://oraclepress.wordpress.com/ reconhecido pela OTN, articulista na OTN, portal http://www.profissionaloracle.com.br/gpo e na revista SQL Magazine.

Links Pessoais

Serviços verificados

Visualizar Perfil Completo →

Total de Visualizações da Página
  • 53,395 Visualizações